Wednesday, October 17, 2007

REFLEXÃO DO DIA


As dificuldades, dores e aflições que a vida nos impõe – e todos as temos, variando, apenas, sua natureza e intensidade – devem ser encarados como testes da nossa capacidade e perseverança. Se as enfrentarmos com coragem, determinação e fé, não raro sairemos fortalecidos dessas crises. Caso, porém, nos entreguemos ao desalento, à revolta, à descrença e à inércia, podemos, até, ser destruídos ou, na melhor das hipóteses, perder o foco do nosso objetivo maior. Sempre que tenho oportunidade, recorro a George Bernard Shaw para dizer as grandes verdades da vida. E a propósito dos problemas que não raro se abatem sobre nós, encanta-me, de maneira especial, esta metáfora, que o laureado escritor irlandês escreveu: “A vida é uma pedra de amolar: desgasta-nos ou afia-nos, conforme o metal de que somos feitos”. Se nossa estrutura for de um metal nobre, sairemos “afiados” e mais aptos para viver. Caso contrário...

1 comment:

Evelyne Furtado said...

Pedro, por incrível que pareça escrevi hoje uma mensagem com esse mesmo tema no Recanto das Letras, porém bem menos elaborada. Concordo plenamente, portanto.
Seu blog é excelente.
Abraço.
Evelyne